Livros Lidos em Junho

Hey gente, tudo bem com vocês?

Junho foi o mês que fui lendo só olhando as capas ou pelo título do livro e foi o mês que mais me surpreendi com as leituras.

Dando uma olhada geral nas leituras, foram bem mais voltadas para o romance e foram leituras bem prazerosas e rápidas. Vamos ver o que li no mês?

Amor(es) verdadeiro(s) - Taylor Jenkins Reid

Emma Blair casou com seu namorado do colegial, Jesse, quando tinha vinte anos. Juntos, eles construíram uma vida diferente das expectativas de seus pais e das pessoas de sua cidade natal, Massachusetts. Sem perder nenhuma oportunidade de viver novas aventuras, eles viajam o mundo todo, curtindo a vida ao máximo. Mas, em vez do tradicional "e viveram felizes para sempre", uma tragédia separa os dois, no dia do seu aniversário de um ano de casamento. O helicóptero com o qual Jesse sobrevoava o Pacífico desaparece e, simples assim, o amor da vida de Emma se vai para sempre. Emma volta para sua cidade natal em uma tentativa de reconstruir a vida e, depois de anos de luto, reencontra um velho amigo, Sam, que lhe mostra ser, sim, possível se apaixonar novamente. E quando os dois ficam noivos? Emma sente que a vida lhe deu uma segunda chance de ser feliz.

Esse foi o primeiro livro que li Taylor Jenkins Reid e amei. Você pode conferir a resenha dele aqui.

 

Em Outra Vida, Talvez? - Taylor Jenkins Reid

Hannah está perdida. Aos 29 anos, ainda não decidiu que rumo dar à sua vida. Depois de uma decepção amorosa, ela volta para Los Angeles, sua cidade natal, pois acha que, com o apoio de Gabby, sua melhor amiga, finalmente vai conseguir colocar a vida nos trilhos. Para comemorar a mudança, nada melhor do que reunir velhos amigos num bar. E lá Hannah reencontra Ethan, seu ex-namorado da adolescência. No fim da noite, tanto ele quanto Gabby lhe oferecem carona. Será que é melhor ir embora com a amiga? Ou ficar até mais tarde com Ethan e aproveitar o restante da noite? Em realidades alternativas, Hannah vive as duas decisões. E, no desenrolar desses universos paralelos, sua vida segue rumos completamente diferentes. Será que tudo o que vivemos está predestinado a acontecer? O quanto disso é apenas sorte? E, o mais importante: será que almas gêmeas realmente existem? Hannah acredita que sim. E, nos dois mundos, ela acha que encontrou a sua.

Depois de ler Amor(es) Verdadeiro(s), eu já corri para ler o Em Outra Vida, Talvez?. Eu amei a história e os personagens e consegui me conectar com a autora. Foi uma leitura rápida e o final foi incrível, já que pode agradar ambos os meus desejos.

 

Minha Adorável Esposa - Samantha Downing

Um casamento sólido de quinze anos, do qual nasceram dois belos filhos. Uma boa casa e empregos estáveis. Poderia ser a descrição de milhares de casais norte-americanos; a não ser por um detalhe: esses dois matam pessoas. É assim que eles mantêm acesa a chama da atração: com noites românticas para escolher as vítimas como em um cardápio de um restaurante. Cada prato tem temperos especiais para despistar a polícia e a imprensa. E, por melhor que seja a refeição, eles sempre vão querer mais.

Esse livro foi do Tag Inéditos e eu me senti completamente manipulada. É um thriller de capítulos curtos que é sobre um casal que tem o hobby de matar mulheres, mas tudo muda quando o marido começa a desconfiar da esposa.

Foi a primeira vez que li algo da Samantha Downing e já quero poder ler mais. Logo mais terá resenha aqui no blog.

 

Entre Estantes - Olívia Pilar

Isabel quer provar para todos que pode ser boa no curso que escolheu. Mas o que ela não imaginava ao ir buscar um livro na biblioteca da faculdade é que, antes de provar qualquer coisa, ela precisa conhecer a si mesma. 

Esse livro é um conto super curtinho de uma garota chamada Isabel e seus dias na faculdade vivendo suas próprias escolhas. É um conto fofo e rápido.

 

O som do nosso coração - Emma Cooper

Se Melody não tivesse se esquecido de comprar o produto para derreter gelo, nunca teria escorregado e batido a cabeça. Também não teria acabado com um distúrbio que a faz cantar sempre que está nervosa e que a coloca nas situações mais constrangedoras do mundo. Se Dev não tivesse levado as crianças ao zoológico naquele dia, então o acidente nunca teria acontecido, seu filho não teria acabado com uma cicatriz no meio do rosto e a filha, com profundas sequelas. Mas, se onze anos depois eles não tivessem visto a informação de que uma pessoa com a mesma descrição do pai foi encontrada, talvez nunca tivessem ido para a Cornualha. E, no lugar mais improvável, descoberto o real significado de "família".

Essa foi a leitura que mais me destruiu no mês. É sobre a família mais bichada de todas. Cada membro precisa lidar com algo, mas sempre apoiando uns aos outros enquanto procuram o pai que está desaparecido. Eu terminei a leitura completamente sem ar e fiquei pensando muito tempo depois sobre ele. Tentei até deixar uma postagem escrita sobre o livro, mas é uma história que eu não consegui tirar de mim.


Sulwe - Lupita Nyong’o

Sulwe significa estrela, daquelas que aparecem no céu da meia-noite. E quem não gostaria de ter um nome desses e de brilhar feito astro celeste? Mas o que Sulwe queria mesmo era se parecer com outro astro: o sol, radiante feito a luz do meio-dia. O que nossa pequena menina não imagina é que vai embarcar numa incrível viagem pelo espaço, onde todos têm a chance de irradiar sua beleza e seu brilho. Esse é o primeiro livro da consagrada atriz e produtora de cinema Lupita Nyong’o.

Lupita Nyong’o é uma deusa que eu sempre admirei, e após esse livro fiquei mais apaixonada. Sulwe é um livro sobre uma garota aprendendo a gostar da sua própria cor e a enxergar a beleza.  É um livro que toda criança de cor deveria ler na infância, fiquei até com vontade de ser criança e ter tido contato com o livro para crescer sabendo da beleza que existia em mim. Esse será um livro que darei aos meus filhos se um dia tiver.


Suicidas - Raphael Montes

Um porão, nove jovens e uma Magnum 608. O que poderia ter levado universitários da elite carioca – e aparentemente sem problemas – a participarem de uma roleta-russa? Um ano depois do trágico evento, que terminou de forma violenta e bizarramente misteriosa, uma nova pista, até então mantida em segredo pela polícia, ilumina o nebuloso caso. Sob o comando da delegada Diana Guimarães, as mães desses jovens são reunidas para tentar entender o que realmente aconteceu, e os motivos que levaram seus filhos a cometerem suicídio.

Eu virei uma grande fã das narrativas do Raphael Montes, ele escreve aqueles livros que não conseguimos largar até descobrir toda a história. Eu achei o livro um pouco pesado de ler por causa do momento que estava passando, mas simplesmente não conseguia parar.

A cada capítulo vamos querendo saber o motivo de cada jovem morrer, e querendo saber o que aconteceu naquele porão. Confesso que fiquei um pouco frustada em dado momento do livro, mas achei o final digno do Raphael.


Soppy - Philippa Rice

Soppy os pequenos detalhes do amor, de Philippa Rice, é uma reunião de bem-humoradas tirinhas criadas a partir de momentos da vida real da designer britânica com seu namorado. Bastante popular na web, com mais de meio milhão de postagens no Tumblr, Soppy conquistou as redes sociais com declarações de amor escondidas nos detalhes do cotidiano de um relacionamento, como dividir uma xícara de chá, a leitura de um livro ou comentários irônicos à frente da TV numa tarde chuvosa.

Soppy é um livro de tirinhas super fofo que mostra o cotidiano de um casal. Possui poucos diálogos e muitos desenhos fofos. Eu adorei ler pela leveza.

 Essas foram minhas leituras do mês de junho, e você quais livros leu?

Beijos

18 comentários

  1. Esses livros parecem ótimos. Sulwe parece muito legal.

    Beijo.
    Cores do Vício

    ResponderExcluir
  2. Nossa! Quantos livros maravilhosos que você leu no mês de junho. Dos selecionados gostaria de ler: Amores Verdadeiros, Em outra vida, talvez? (esse aqui, soou um pouco de suspense..) gosto de livros e séries com o tema universo paralelo..

    Um beijo,

    www.purestyle.com.br

    ResponderExcluir
  3. Me interessei muito pelo "Em outra vida, talvez?", parece ser ótimo!
    Adorei suas leituras.
    Bisous,
    pequenomuffin.com.br | @blogpequenomuffin

    ResponderExcluir
  4. Uau, quantos livros interessantes. Realmente, quando a gente se conecta com a história, com o autor a leitura flui muito bem e quando percebemos já acabamos rs Eu ainda não li nenhum desses livros mas o que mais me chamou a atenção foi Em Outra Vida, Talvez?

    Fico feliz que tenha voltado ao blog. Senti saudades das postagens ♥

    It's Lizzie

    ResponderExcluir
  5. Quantos livros! Que inveja >< hahahah Eu tô doida pra ler algo da Olivia, sempre leio coisas boas sobre ela e suas produções. Preciso ler esse conto <3

    Soppy eu fiquei interessada em ler também. Em junho li pouquíssimo, mas li alguma coisa, diferente dos outros meses, o que já considero uma vitória rs Vamos ver se desencalho de vez dessa ressaca literária.

    Beijos
    https://monautrecote.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Oi Tay, tudo bem?

    Li, "Em outra Vida, talvez? em 2018 e achei a história uma gracinha. Não esperava nada do livro e acabei sendo surpreendida da maneira mais positiva possível. Amor(es) verdadeiro (s)está na minha lista. Espero ter uma boa surpresa novamente.

    Beijos;*
    Ariane Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Você leu bastante esse mês que passou, estou lendo menos que de costume mas, estou buscando voltar ao meu ritmo anterior, respeitando meu corpo que exigiu descansar por agora.
    Beijocas.


    https://www.parafraseandocomvanessa.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Menina, meu sonho é ler esse Soppy ♥
    Você leu em PDF ou comprou o livro físico?
    Adorei as dicas, só pelas capas, nomes e a sinopse dá mesmo pra perceber que são livros bem leves e gostosos de ler :)

    https://www.heyimwiththeband.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Em outra vida, talvez? E Sulwe me chamaram atenção.
    Li: outros jeitos de usar a boca, Garota estupida, eu? e Marketing de Conteúdo.
    Bjos www.diadebrilho.com

    ResponderExcluir
  10. Adorei ver os livros que você leu e confesso que deles eu ainda não conhecia nenhum.
    Beijos,
    Mundo Perdido da Carol
    Instagram: @carolinsweet
    Fan Page

    ResponderExcluir
  11. Olá, Tay.
    Eu não li nenhum dos que você leu ainda. Da Taylor eu só li Os Sete Maridos de Evelyn Hugo que amei e quero ler os outros livros dela. Soppy também me interessa e Suicidas ainda não consegui comprar. Pela capa de de Minha adorável esposa nunca ia imaginar que era desse gênero ehhe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  12. Oi
    muitos livros lidos, dessa listinha só conhecia 4 livros, Sulwe parece ser uma bela leitura e tenho curiosidade com soppy.

    http://momentocrivelli.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  13. Tay, eu tô doida para ler "Amor(es) Verdadeiro(s)". Assim que eu acabar o da Michelle Obama, vou embarcar nele. :) E essa autora arrasa muito!!! Li "Em outra vida talvez?" e fiquei apaixonada pela escrita dela. E eu não tenho coragem de ler nada do Raphael. Não pela escrita, mas pelos assuntos pesados, sabe? Mas sempre escuto falar muito bem mesmo. E fiquei curiosa para ler esse da Lupita e o último! :) E "O som do nosso coração" sempre aparece como sugestão de leitura na Amazon. Acho que vou acrescentar na minha lista infinita também hahaha.

    Beijos, Carol
    www.pequenajornalista.com

    ResponderExcluir
  14. Gostei bastante da sua lista de leitura.
    Big Beijos,
    Lulu on the sky

    ResponderExcluir
  15. Leu bastante, hein? fiquei curiosa com Suicidas e não sabia que a Lupita escrevia.

    Beijos/Kisses.

    Anete Oliveira
    Blog Coisitas e Coisinhas
    Fanpage
    Instagram

    ResponderExcluir

Hello friend!
Eu sou a Tay Ribeiro, tenho 24 anos e moro no interior do Goiás. Viciada em vídeos de gatos fofos e em fazer listas. Aqui você encontra todas as coisas que eu mais gosto no mundo. more

Instagram

Dearly Tay / Theme by BD.