31 de jan. de 2020

Livros que li em janeiro de 2020

Hey gente, tudo bem com vocês?


Como meta desse ano, eu decidi voltar a ler livros. Antigamente eu lia muito e com o tempo fui diminuindo até passar meses sem ler nada. Minha meta é ler pelo menos 2 livros por mês até pegar o jeito de novo.

Janeiro foi o mês que eu decidi pegar livros mais leves para ler e assim ter um incentivo melhor e consegui ler 4 livros no total. Vamos ver quais livros eu li?


Confissões de uma garota linda, popular e (secretamente) infeliz (Confissões #3) - Thalita Rebouças

Nesta sequência da série iniciada com Confissões de uma garota excluída, mal-amada e (um pouco) dramática e seguida por Confissões de um garoto tímido, nerd e (ligeiramente) apaixonado, vamos agora conhecer a história de Valentina, a “vilã” da turma de Tetê e Davi. Com uma complicada história familiar e muitos traumas, Valentina vai contar o seu lado e mostrar por que age como age. Fofocas, intrigas, disse me disse e muito mais na nova aventura dessa turma de adolescentes que conquistou os fãs de Thalita Rebouças.

Esse livro foi minha primeira leitura do ano e não podia começar melhor. Eu adoro a Thalita Rebouças e suas histórias. Nesse livro, temos o ponto de vista de Valentina que era a vilã dos outros livros.

O livro aborda amizade, amores, distúrbios alimentares e outros temas. A Valentina nos mostra o quanto a família pode ser tóxica e colocar gatilhos em você, mostra que nem todo mundo é bom ou mau e também ensina que todo mundo merece uma segunda chance.

Eu li meio ás cegas, pois não lembrava dos outros livros, mas no decorrer da leitura nem fez muita falta.


Os 27 Crushes de Molly - Becky Albertalli

Molly já viveu muitas paixões, mas só dentro de sua cabeça. E foi assim que, aos dezessete anos, a menina acumulou vinte e seis crushes. Embora sua irmã gêmea, Cassie, viva dizendo que ela precisa ser mais corajosa, Molly não consegue suportar a possibilidade de levar um fora. Então age com muito cuidado. Como ela diz, garotas gordas sempre têm que ser cautelosas. Tudo muda quando Cassie começa a namorar Mina, e Molly pela primeira vez tem que lidar com uma solidão implacável e sentimentos muito conflitantes. Por sorte, um dos melhores amigos de Mina é um garoto hipster, fofo e lindo, o vigésimo sétimo crush perfeito e talvez até um futuro namorado. Se Molly finalmente se arriscar e se envolver com ele, pode dar seu primeiro beijo e ainda se reaproximar da irmã. Só tem um problema, que atende pelo nome de Reid Wertheim, o garoto com quem Molly trabalha. Ele é meio esquisito. Ele gosta de Tolkien. Ele vai a feiras medievais. Ele usa tênis brancos ridículos. Molly jamais, em hipótese alguma, se apaixonaria por ele. Certo? Em Os 27 Crushes de Molly, a perspicácia, a delicadeza e o senso de humor de Becky Albertalli nos conquistam mais uma vez, em uma história sobre amizade, amadurecimento e, claro, aquele friozinho na barriga que só um crush pode provocar.

Queria ler esse livro desde que lançou e só consegui agora. A leitura é leve e a Molly é uma ótima personagem. Eu esperava um pouco mais? esperava. Mas achei a leitura satisfatória e ótima para quem ama filme adolescente romântico (eu!).

Nesse Livro, Molly já teve uma paixonite por 26 pessoas, nas nunca se declarou nem nada do tipo, até encontrar a 27ª e tudo mudar.


Teto Para Dois - Beth O'Leary

Eles dividem um apartamento com uma cama só. Ele dorme de dia, ela, à noite. Os dois nunca se encontraram, mas estão prestes a descobrir que, para se sentir em casa, às vezes é preciso jogar as regras pela janela. Três meses após o término do seu relacionamento, Tiffy finalmente sai do apartamento do ex-namorado. Agora ela precisa para ontem de um lugar barato para morar. Contrariando os amigos, ela topa um acordo bastante inusitado. Leon está enrolado com questões financeiras e tem uma ideia pouco convencional para arranjar dinheiro rápido: sublocar seu apartamento, onde fica apenas no período da manhã e da tarde nos dias úteis, já que passa os finais de semana com a namorada e trabalha como enfermeiro no turno da noite. Só que tem um detalhe importante: o lugar tem apenas uma cama. Sem nunca terem se encontrado pessoalmente, Leon e Tiffy fecham um contrato de seis meses e passam a resolver as trivialidades do dia a dia por Post-its espalhados pela casa. Mas será que essa solução aparentemente perfeita resiste a um ex-namorado obsessivo, uma namorada ciumenta, um irmão encrencado, dois empregos exigentes e alguns amigos superprotetores?

Eu acho que li a resenha desse livro em algum blog, pois fiquei com a sinopse na cabeça e quando encontrei o livro não hesitei em ler. É um romance fofo, que fiquei suspirando por um tempo e em diversos momentos me deu raiva também. Eu me via na personagem em alguns momentos e entendia certas coisas que ela passava e foi incrível ver ela se libertando do passado.


O peso do pássaro morto - Aline Bei

Livro vencedor do "Prêmio São Paulo de Literatura 2018" na categoria "Melhor Romance de Autor Estreante com Menos de 40 anos". A vida de uma mulher, dos 8 aos 52, desde as singelezas cotidianas até as tragédias que persistem, uma geração após a outra. Um livro denso e leve, violento e poético. É assim "O peso do pássaro morto", romance de estreia de Aline Bei, onde acompanhamos uma mulher que, com todas as forças, tenta não coincidir apenas com a dor de que é feita.


Eu conheci esse livro por um grupo no Facebook e no mesmo dia já comecei a ler. 

O livro conta a história de vida de uma mulher(não tem o nome dela no livro) dos 8 aos 52 anos. Tudo é escrito do ponto de vista dela e eu achei bem diferente o jeito que foi escrito o livro. Esse livro fala sobre morte, bullying, abuso sexual, a falta de ligação com os filhos, depressão...

Quando eu acabei esse livro, eu coloquei o Kindle na mesa e pensei 'rapaz!', erapaz, esse livro é incrível e eu indico para todo mundo. É rápido e intenso de ler.

Eu achei esse mês bom, pois consegui ler o dobro da minha meta e isso me mostrou que com mais disciplina posso ler todos os livros que quero esse ano.

O meu favorito do mês foi O Peso do Pássaro Morto e eu indico para ler.

E você, já leu algum livro esse mês? Indica qual?
Beijos

15 comentários:

  1. Já li muitos livros da Thalita. Ela sempre fez parte do meu interesse por leitura e os seus livros foram os primeiros que eu me apaixonei.
    "O peso do pássaro morto" é uma obra que eu quero MUITO ler. Só vi elogios até agora!

    ResponderExcluir
  2. Olá, Tay.
    Que bom que conseguiu ler o dobro do que queria. Teto para dois está na minha lista de leituras. E esse da Thalita eu quero ler porque só li o primeiro que amei.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  3. Não tive tempo de ler nenhuma obra, mas os livros da Thalita Rebouças devem ser ótimos.
    Big Beijos,
    Lulu on the sky

    ResponderExcluir
  4. nossa o Peso do Passaro Morto está super na minha TBR, adorei ver oq vc leu nesse mes primeiro mês do ano

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  5. Olá...
    Adorei suas leituras do mês, desses estão na minha lista de futuras leituras, OS 27 CRUSHES DE MOLLY e TETO PARA DOIS... espero poder ler em breve!
    Bjão

    http://coisasdediane.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Bem interessante as suas leituras:)

    www.paginasempreto.blogspot.com.br

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Que bom que conseguiu cumprir a sua meta de ler 2 livros, e até conseguiu mais.
    Estou lendo esse livro da Thalita Rebouças e só agora, depois da sua resenha que entendi porque as vezes tinha a sensação de já conhecer aqueles personagens. Eu li os outros livros da série, mas faz tempo e até me esqueci. Ainda estou no começo do livro, mas estou gostando dele.
    Os outros livros ainda não conhecia.
    Bjus!

    galerafashion.com

    ResponderExcluir
  8. Uau vc leu bem,boas leituras 👏👏👏
    http://unhasdaraquel.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Uau vc leu bem,boas leituras 👏👏👏
    http://unhasdaraquel.blogspot.com
    Seguindo

    ResponderExcluir
  10. Muita leitura boa esse mês. Janeiro também me foi bem recheado e espero que fevereiro seja mais, tanto para mim quanto para ti.
    Dos que tu leu, queria ler Teto para Dois.

    Abraço,
    Parágrafo Cult

    ResponderExcluir
  11. Olá! Gostei demais de saber que vai ler vários livro e gostei das suas leituras, suas escolhas foram ótimas, amo ler e acho que abre um mundo de possibilidades para nós.
    Beijocas.


    https://www.parafraseandocomvanessa.com.br/

    ResponderExcluir
  12. O Medo do Pássaro Morto foi o que mais me chamou a atenção. Parece muito bacana!

    Beijo!
    Cores do Vício

    ResponderExcluir
  13. I like to read, but I don’t read so fast because I can very often think for a long time about what I read and only then continue reading.

    ResponderExcluir
  14. This book was my first reading of the year and couldn't get any better. The book covers friendship, love, eating disorders and other topics.

    ResponderExcluir

DEARLY TAY
LAYOUT POR LUSA AGÊNCIA DIGITAL