O Segredo de Rose Gold - Stephanie Wrobel


Ano: 2020

Páginas: 308

Editora: Verus

Sinopse: As mães nunca esquecem. As filhas nunca perdoam. Em O segredo de Rose Gold, por dezoito anos, Rose Gold Watts acreditou estar seriamente doente. Era alérgica a tudo e vivia em hospitais. Chegou a pensar que precisasse mesmo da sonda gástrica, das cirurgias, da cadeira de rodas... Os vizinhos faziam o possível para ajudar, mas, não importava por quantos médicos a menina passasse, quantos exames ou cirurgias realizasse, ninguém sabia o que havia de errado com ela.Acontece que a mãe dela, Patty Watts, é uma ótima mentirosa. E, após cinco anos na prisão, ela está finalmente livre. Tudo o que Patty quer é deixar as mágoas para trás, fazer as pazes com a filha - que testemunhou contra ela - e cuidar do neto. Assim, quando Rose Gold concorda que Patty vá morar com ela, parece que o relacionamento entre mãe e filha está, de fato, caminhando para a reconciliação. Mas Rose Gold conhece a mãe. Patty sempre acerta suas contas. Só que, infelizmente para ela, Rose Gold não é mais sua filhinha querida... e estava apenas aguardando que a mãe voltasse para casa.

 


Nesse suspense de estreia da Stephanie Wrobel, ela nos leva a doença que ficou bem conhecida após o caso da Gypsy Rose e sua mãe Dee Dee, a síndrome de Munchausen por procuração. Se você não conhece essa síndrome, ela é uma doença mental em que uma pessoa finge ou produz problemas de saúde em outra pessoa para poder cuidar dela e ganhar atenção/simpatia. É bem comum em mães com seus filhos.

 

Em O segredo de Rose Gold, conhecemos Rose Gold e sua mãe Patty. Rose Gold sempre acreditou que tinha uma doença, afinal, vivia indo em hospitais com dores e vômitos, andava de cadeiras de rodas e tinha sua cabeça raspada, mas até que percebeu que tudo não passava de uma mentira e que a culpada era sua mãe.

 

Com a ajuda da vizinha Mary e da sua filha Alex, Rose Gold consegue pedir ajuda e sua mãe foi presa. Mas após cinco anos e com a pena cumprida, Patty sairá da cadeia disposta a reconquistar sua filha e quer ajudar a cuidar do seu neto, o Adam.

 

Como diz a Bel Rodrigues, esse livro é um acontecimento. A primeira coisa que me chamou atenção no livro foi a capa que está lindíssima e logo depois a sinopse, já que me lembrou do caso da Gypsy. O livro começa com a Patty sendo liberada da cadeia e ela está bem ansiosa para ir para casa com sua filha e seu neto. Mesmo após Rose Gold perdoar a mãe, Patty sabe que precisa ganhar a confiança da filha e a proteger de qualquer pessoa que possa mexer com a cabeça dela, mas ela vê a própria cabeça sendo mexida quando descobre que a filha mora na casa da infância de Patty.


O livro vai alternando entre o presente contado por Patty e o passado contado por Rose, desde pequenas lembranças do passado e sobre como era a vida com a mãe na cadeia.

 

Eu achava que a história teria outro rumo, mas conforme as páginas vão passando, vemos o desconforto entre mãe e filha e em como elas nunca parecem estar a vontade ou confiar uma na outra. Conseguimos ver as engrenagens do cérebro das duas funcionando para criar diálogos que pareçam normais, mas que no fundo são pura provocação para a outra. A relação é tão disfuncional e logo percebemos que não podemos ter simpatia por nenhuma das personagens, afinal, uma maçã não cai muito longe da árvore e vemos que Rose Gold é mais parecida com a mãe do que acha.


Eu me senti desconfortável lendo o livro, mas simplesmente não conseguia parar. Devorei cada página como se minha vida dependesse disso e no final, tive aquela pausa digerindo cada palavra que li. A Stephanie Wrobel fez seu dever de casa e entregou um livro coeso e cheio de camadas que nos faz ver como a relação mãe e filha é mais complexa do quê achamos.

 

Nossas narradoras não são confiáveis, mas nos vemos em um ciclo de entender cada uma e logo em seguida pensar 'você não deveria ser assim'. Esse livro é sobre a relação familiar, mas também é sobre como a mente humana está longe de ser entendida.

 

Se você gostou da Série da Hulu The Act, te recomendo a ler esse livro.

E você, já conhecia o livro? Leria?

Beijos

28 comentários

  1. Ah adorei a resenha, nunca tinha ouvido falar, eu adoro um suspense. bjs bjs https://beperes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Não conhecia!
    Gostei da temática da história, já vou procurar para ler!
    bjs www.diadebrilho.com

    ResponderExcluir
  3. Não conhecia, mas adorei esse suspense. Sua resenha me deixou intrigada.
    Também não conhecia a série mencionada.

    Beijo.
    Cores do Vício

    ResponderExcluir
  4. uau, até me cocei aqui pra ler haha gostei

    beijo
    A mina de fé

    ResponderExcluir
  5. Gostei bastante da sua resenha é um livro maravilhoso, a história é bastante fluida, ainda não li o livro, mais deixo na minha lista, bjs.
    http://www.lucimarmoreira.com/

    ResponderExcluir
  6. Awesome review! It sounds so suspenseful and enlightening too. Great post! Must check into it!

    ResponderExcluir
  7. Loved the review! Now I need to check it out! Wonderfully interesing!

    ResponderExcluir
  8. Sounds like a great drama and suspense. Cool thriller for sure! Awesome!

    ResponderExcluir
  9. Ei, Tay, assim que eu li a sinopse lembrei do caso Gypsy, parece uma daquelas história que deixo o leitor apreensivo o livro inteiro. E que bom que você aproveitou a leitura!

    Books House

    ResponderExcluir
  10. Não conhecia e achei a história interessante a partir do seu olhar.
    Obrigada pela dica!
    beijos
    https://ludantasmusica.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. Oi, Tay!
    A primeira coisa que me chamou a atenção foi essa capa lindíssima! Lendo a sinopse já associei ao caso da Gypsy Rose que me intriga até hoje. Com certeza é uma leitura que vou querer fazer :D

    Estante Bibliográfica

    ResponderExcluir
  12. Olá, Tay.
    Não conhecia esse livro ainda nem a doença. Achei o enredo super interessante e já fiquei aqui morta de curiosidade hehe. Adoro livros de suspense com personagens não confiáveis. A gente nunca sabe se o que está lendo é a verdade hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  13. Não conhecia e acabou de entrar pra minha wishlist literária.

    Beijos/Kisses.



    Anete Oliveira

    Blog Coisitas e Coisinhas

    Fanpage

    Instagram

    ResponderExcluir
  14. Não conhecia o livro mas já sei que vou amar! Adoro o seu gosto literário e sempre salvo as indicações do blog hahaha <3 Adoro personagens bem construídos assim e já quero mais um thriller na minha estante! A capa é bem linda, adoro capas com rostos.
    Beijoss, Blog Seja Agridoce ♥️♥️♥️

    ResponderExcluir
  15. Oii, Não conhecia o livro, mas eu já conhecia sobre essa síndrome e também sobre a história de Gypsy Rose. Recentemente estava vendo a série, até o momento estou gostando.

    Beijos!
    https://deliriosdeumaliteraria.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  16. Estou bem desejando um desse para chamá-lo de meu. :D
    cheap lace front wigs

    ResponderExcluir
  17. Não conhecia o livro, mas gostei da dica! Já ouvi falar dessa síndrome e achei interessante a história ser sobre isso. Anotado!

    https://www.biigthais.com/

    Beijoos ;*

    ResponderExcluir
  18. Hello :)
    Confesso que vc arrasou na resenha!
    Obrigada pela dica.
    Beijinh

    ResponderExcluir
  19. Fiquei curiosa com esse livro, como é possível haver uma desordem mental desse tipo!!
    xoxo

    marisasclosetblog.com

    ResponderExcluir
  20. Oiee minha flor! Amei a dica de livro. Eu vi um filme recentemente em que a mãe fazia a mesma coisa com a filha. Só não lembro o nome...a série não conhecia. Li também mentiras como o amor que possui esse tema também.

    Capa linda ❤
    Beijos,
    Paloma Viricio

    ResponderExcluir
  21. Very interesting post. Thanks for sharing!

    Cheers,
    Diana - Hijab Sporty Looks Ideas

    ResponderExcluir
  22. Oi Tay,
    Ainda não li, mas desde que vi o lançamento fiquei com vontade de conferir a obra! Acho que vou gostar, me interesso por essa coisa de narrador em que não podemos confiar, nos faz pensar mais ainda sobre o que está sendo apresentado. Além da edição estar linda!
    beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  23. That book seems very interesting. Thank you for sharing.

    New Post - https://www.exclusivebeautydiary.com/2020/11/peter-thomas-roth-rose-stem-cell-bio.html

    ResponderExcluir
  24. Oii Tay,

    Desde que vi o lançamento desse livro, fiquei curiosa para saber mais da obra ainda por esse mistério da trama.
    Dica anotada com certeza!

    Bjs
    https://diarioelivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  25. Estou lendo várias opiniões positivas sobre esse livro, e estou bem curiosa na verdade. Eu já tinha lido sobre essa síndrome em Objetos cortantes, que aliás, recomendo. Se você ficou incomodada, mas não conseguia parar com esse livro, em Objetos cortantes será assim também.
    Bjks!

    Mundinho da Hanna
    Pinterest | Instagram | Skoob

    ResponderExcluir

Hello friend!
Eu sou a Tay Ribeiro, tenho 24 anos e moro no interior do Goiás. Viciada em vídeos de gatos fofos e em fazer listas. Aqui você encontra todas as coisas que eu mais gosto no mundo. more

Instagram

Dearly Tay / Theme by BD.