Resenha: As Nove Vidas de Rose Napolitano – Donna Freitas

Hey gente, tudo bem com vocês?

Sinopse: Rose Napolitano e Luke estão brigando. Ele prometeu, antes do casamento, que não queria ter filhos, mas mudou de ideia. Ela prometeu tomar as vitaminas para engravidar, mas não o fez. De repente, o casamento dos dois passa a depender de uma única resposta: Rose consegue encontrar dentro de si o desejo de ser mãe?

Ao narrar uma escolha de vida decisiva em nove versões diferentes, Donna Freitas nos leva por todos os caminhos que moldam a vida de uma pessoa, refletindo sobre trajetórias que ressignificam o que é ser mulher. Um romance sobre amor, maternidade, traição, divórcio, morte e sobre como o destino pode interferir em nossos planos quando menos esperamos.

 


Rose Napolitano tem duas certezas na vida: Ela ama seu trabalho e ela nunca quer ter filhos. E ela sempre deixou seu marido ciente disso, e ele até pensava da mesma forma que ela, isso antes de ser afetado pela pressão dos pais.


As Nove Vidas de Rose Napolitano, começa com um fragmento de uma das vidas de Rose e logo chegamos ao começo do ponto de impacto. Luke confronta Rose com um frasco de vitaminas na mão que ela prometeu tomar, mas não tomou. Já faz algum tempo que Luke a pressiona para ter um bebê, e mesmo sem ser o que ela almeja, Rose concorda em tomar as vitaminas por pura força do cansaço. Ao descobrir que ela não tomou e entrar nessa confronto, somos levados a diversas vidas de Rose Napolitano seguindo cada escolha dela após a briga. 


Como já diz o título do livro, somos apresentados em 9 vidas diferentes de Rose. Na vida que ela escolheu deixar o marido após a briga, a vida que ela escolheu deixar suas convicções de lado e ter um bebê, a vida percebendo que não amava mais o marido e diversas outras.



Eu achei muito interessante ter esse tema de maternidade compulsória e em como a sociedade espera que toda mulher tenha o sonho de ser mãe e que abdique de suas vontades próprias em nome dessa sensação de ‘ser completa’ que dizem que só se adquire após a maternidade.


O livro vai nos apresentando a um grupo de vidas de cada vez, e eu achei isso bom, porque eu já ficava perdida em acompanhar todas as vidas dessa forma, se fossem as noves simultâneas eu teria desistido do livro. Todas as vidas começam da mesma forma, e existem diversos padrões que acontecem em todas as vidas, mas tem muitos elementos novos alguns felizes e outros não.


Rose é uma mulher forte e uma personagem muito fácil de gostar. Seu marido Luke por outro lado, eu achei um total porre. Eu o achei totalmente influenciável, e por querer tanto um filho, achei bem omisso e que só prova que se um homem diz que o sonho da vida é ser pai, a única coisa a se fazer é sair correndo.



Em suas 344 páginas, vemos Rose ser atormentando pelos sonhos alheios e tentando salvar um casamento fadado ao fracasso. Algumas partes do livro se tornaram cansativas pela repetição, mas logo dava para pegar o ritmo da leitura outra vez. O livro tem uma escrita muito fluida e a autora acertou exatamente no tom da personagem, uma vez que criamos uma empatia muito grande por ela e mergulhamos juntos nas escolhas e teve uma escolha em particular que eu julgo muito normalmente, mas com a  Rose, eu apoiava e ficava torcendo para ela continuar com aquilo.


As Nove Vidas de Rose Napolitano é uma ótima leitura, com temas importantes e que vale muito a pena ler.  Eu gosto muito dessa ideia de que cada escolha nos leva a um destino diferente, mesmo que algumas coisas pareçam estar fadadas a acontecer.


E você, já conhecia esse livro?

Beijos

17 comentários

  1. Livros sobre maternidade são bastante interessantes, ainda conhecia o livro mas gostei muito do tema, bjs.
    http://www.lucimarmoreira.com/

    ResponderExcluir
  2. It has a very interesting plot.
    I hope she decides to be a mother,
    it has a lot of joy and excitement to have a child.

    Ann
    https://roomsofinspiration.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Oi, Tay!
    Eu acho esse um tema bem complexo, e muitas vezes me pego refletindo sobre ele. Achei a premissa do livro bem interessante, e vou salvar a dica para o futuro :D

    Estante Bibliográfica - Vem conferir o Especial de Natal #FimDeAnoBibliográico

    ResponderExcluir
  4. Tay, já tinha visto na livraria, mas não sabia qual era a premissa.
    Dica mega anotada. Esse tema é mega importante e sempre bom a gente ler e ver que o que importa é a nossa felicidade, independente das expectativas dos outros. Claro, não fazer nada para machucar o próximo, mas pensar na gente é importante. ♥ E, sim, cada escolha, um caminho diferente! Adorei a resenha. ^^

    Beijos, Carol
    www.pequenajornalista.com

    ResponderExcluir
  5. Eu já tinha lido a resenha desse livro em outro blog e achei bem interessante. É um assunto complexo, mas que temos que falar mais sobre ele. Ter um filho é algo que exige muitas responsabilidade e de ambas as partes.
    Quando li a frase:" se um homem diz que o sonho da vida é ser pai, a única coisa a se fazer é sair correndo", ri muito porque já fiz isso e não me arrependo. Melhor correr que cair em papinho furado. kkkkk.
    Bjus!

    galerafashion.com

    ResponderExcluir
  6. fiquei curiosa com o livro
    http://retromaggie.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Gracias por la reseña, se ve un libro interesante. Lo tendré en cuenta. Te mando un beso

    ResponderExcluir
  8. It sounds like a very "real" story many face in the obstacles in life and marriage. We all evolve too. Sometimes, we wonder where that person went that we fell in love with, too.

    ResponderExcluir
  9. So enjoyed the review. Sounds like an intriguing domestic fiction book. Oh, it's funny how you can fall in love with one character and hate the other character. This sounds like a very interesting book. Thank you❤

    ResponderExcluir
  10. Wow, this sounds like a lot drama and a page turner, too. Love the review!

    ResponderExcluir
  11. So glad you came across this book. Thanks so much.

    ResponderExcluir
  12. Não conhecia esse livro, mas achei a temática dele muito interessante. Já anotei o nome para poder ler em breve.

    https://www.biigthais.com/

    Beijoos ;*

    ResponderExcluir
  13. Eu já tinha ouvido falar dessa história, mas bem pouca coisa. Gostei de ler sua opinião. Parece uma narrativa envolvente.

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  14. Ótima dica de leitura Tay. Gostei da história dele.
    Venho convidá-la para comemorar o aniversário do meu blog que celebra 18 anos de criação.
    Big Beijos
    www.luluonthesky.com

    ResponderExcluir
  15. Oi
    eu não conhecia esse livro, a premissa parece ser boa ainda mais pelos temas e que cada escolha muda tudo, eu mesmo nem sou casada e nem namoro, mas meu pai fica querendo neto, eu até quero ser mãe um dia, mas tem que ser com a pessoa certa.

    http://momentocrivelli.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Hello friend!
Eu sou a Tay Ribeiro, tenho 26 anos e moro no interior do Goiás. Viciada em vídeos de gatos fofos e em fazer listas. Aqui você encontra todas as coisas que eu mais gosto no mundo. more

Instagram

Dearly Tay / Theme by BD.